domingo, 15 de julho de 2018

D 14 - CT ARAGUAIA


D a t a s

Batimento de Quilha: 20 de julho de 1940
Lançamento: 14 de julho de 1946
Incorporação: 3 de outubro de 1949
Baixa: 1974


C a r a c t e r í s t i c a s

Deslocamento: 1.370 ton (padrão), 1.800 ton (carregado).
Dimensões: 98.5 m de comprimento, 10.6 m de boca e 3.7 m de calado.
Propulsão: vapor; 3 caldeiras; 2 turbinas a vapor Westinghouse gerando 45.000 shp, acopladas a dois eixos.

Eletricidade: 2 turbo-geradores Westinghouse.
Velocidade: máxima de 36 nós.
Raio de ação: ?
Armamento: 3 canhões de 5 pol./38 (127 mm) em reparos singelos; 4 canhões Bofors L/60 de 40 mm em dois reparos duplos; 6 metralhadoras Oerlikon de 20 mm; 2 reparos quádruplos de tubos de torpedo de 21 pol. (533 mm); 2 calhas de cargas de profundidade Mk 3 e 4 projetores laterais do tipo K Mk 6 para cargas de profundidade Mk 6 ou Mk 9.

Sensores: ?
Código Internacional de Chamada: ?
Tripulação: ?.
Obs: Características da época da incorporação na MB.



H i s t ó r i c o

O Contratorpedeiro Araguaia - A 5, foi o segundo navio a ostentar esse nome em homenagem a esse rio de Goiás, na Marinha do Brasil. O Araguaia foi construído pelo Arsenal de Marinha da Ilha das Cobras, no Rio de Janeiro. Teve sua quilha batida em 20 de julho de 1940, foi lançado em 14 de julho de 1946, sendo submetido a Mostra de Armamento e incorporado pelo Aviso n.º 1711, em 3 de outubro de 1949. Seu primeiro comandante foi o Capitão-de-Fragata Raimundo da Costa Figueira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A 140 - PHM - ATLÂNTICO - EX HMS OCEAN

O HMS  Ocean  , AGORA A 140 - ATLÂNTICO,   é um navio relativamente novo. Construído em Clyde pelo estaleiro Kvaerner Govan, foi equ...